Saltar para o conteúdo

1

O Marmeleiro é um arbusto médio (ou pequena árvore) geralmente cultivado, embora ocasionalmente apareça subespontâneo.
Depois de termos falado do fruto, falamos hoje da árvore propriamente dita.

Marmeleiro
Ilustração por Franz Eugen Köhler

Ficha Botânica:

Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Rosales
Família: Rosaceae
Género: Cydonia

O Marmeleiro, Cydonia oblonga Mill.,* é a única espécie do género Cydonia, o que significa que, embora seja parente da Macieira ou do Espinheiro-alvar, é uma planta com características únicas. Ler artigo completo

O Agastache-anisado é uma planta vivaz, originária da América do Norte, praticamente desconhecida em Portugal, embora seja um cultivo comum dos produtores de plantas para “chá”.

Agastache-anisado
Foto por R. A. Nonenmacher

Ficha Botânica:

Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Lamiales
Família: Lamiaceae
Género: Agastache

O Agastache-anisado (Agastache foeniculum (Pursh) Kuntze), também conhecido por Hissopo-gigante ou Hissopo-anisado (embora sejam muito diferentes dos verdadeiros Hyssopus) caracteriza-se pelos seus caules erectos que podem atingir 90cm de altura, grandes inflorescências de cor lilás, folhas verdes com o verso verde-prateado e pelo seu aroma forte a anis, que lhe confere um sabor adocicado. Ler artigo completo

A Equinácia é uma planta herbácea com flor, nativa da América do Norte, usada para reforçar o sistema imunitário. Em Portugal encontra-se apenas cultivada.

Equinácia
Foto por H. Zell

Ficha Botânica:

Reino: Plantae
Divisão: Angiospermae
Classe: Eudicotyledoneae
Clado: Asterids
Ordem: Asterales
Família: Asteraceae
Subfamília: Asteroideae
Tribo: Heliantheae
Género: Echinacea

A Equinácia cresce de modo espontâneo nas pradarias da América do Norte, onde é uma espécie protegida, sendo cultivada também na Europa. A espécie mais comum, por ser a mais cultivada, é a Echinacea purpurea L.. Ler artigo completo

3

Iniciamos hoje uma rubrica regular sobre Plantas Aromáticas e Medicinais e os seus usos, e não há planta melhor para começar que o Espinheiro-alvar.

O Espinheiro-alvar é um arbusto, comum nas nossas florestas, que cresce em forma de pequena árvore com 3 a 8 metros de altura.

Embora acarinhado pelos que o conhecem, é muitas vezes considerado "mato" e cortado por ter espinhos. É, no entanto, uma das plantas medicinais mais conhecidas e documentadas.

Espinheiro-alvar
Ilustração pelo Prof. Dr. Otto Wilhelm Thomé

Ficha Botânica:

Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Rosales
Família: Rosaceae
Género: Crataegus Ler artigo completo